sexta-feira, 24 de abril de 2009

REFLEXÃO - Arnaldo Jabor

Gosto das crônicas de Arnaldo Jabor, as recebo por e-mail dos amigos de vez em quando. Nelas há muito o que refletir, algumas desencadeiam até gargalhadas, é de um humor interessante, nada de rir só por rir à toa, nas entrelinhas tem sempre pérolas escondidas e fico procurando por elas, além disso, o modo como ele escreve tão simples e direto (o que algumas vezes lhe rende duras críticas) é o que prende o leitor, certamente. Dias desses encontrei o site Para Ler e Pensar e, além do Arnaldo Jabor e algumas de suas crônicas, constatei que há muitos outros tópicos bem bacanas, vale a pena visitar, "ler e pensar", como o título bem diz. Ah! Para quem gosta de publicar textos, também é ótimo.
Escolhi uma das crônicas de Jabor que, embora tenha sido escrita especialmente para o início do ano de 2009, cá estamos sempre esperando o final de cada ano para acertar as mesmas arestas, concorda? Entra ano, sai ano e a gente se pega desejando, praticamente, as mesmas coisas, então, por que não hoje?

Tenha uma feliz sexta-feira! E, um feliz ano novo de novo, caso o seu ainda não tenha começado com o pé direito! Recomece se for preciso, só não desista antes mesmo de tentar, ok?


FELIZ ANO NOVO (Arnaldo Jabor)

O grande barato da vida é olhar para trás e sentir orgulho.É viver cada momento e construir a felicidade aqui e agora.Claro que a vida prega peças. O bolo não cresce, o pneu fura, chove demais (Perdemos pessoas que amamos)...Mas, pensa só: Tem graça viver sem rir de gargalhar, pelo menos uma vez ao dia?Tem sentido estragar o dia por causa de uma discussão na ida pro trabalho?Eu quero viver bem... e você? 2008 foi um ano cheio. Foi cheio de coisas boas, mas também de problemas e desilusões, tristezas, perdas, reencontros.Normal.. Às vezes, se espera demais. A grana que não veio, o amigo que decepcionou, o amor que acabou.Normal ...2009 não vai ser diferente. Muda o século, o milênio muda, mas o homem é cheio de imperfeições, a natureza tem sua personalidade que nem sempre é a que a gente deseja, mas, e aí? Fazer o quê? Acabar com o seu dia? Com seu bom humor? Com sua esperança?O que eu desejo para todos nós é sabedoria. E que todos nós saibamos transformar tudo em uma boa experiência.. O nosso desejo não se realizou? Beleza... Não estava na hora, não deveria ser a melhor coisa para esse momento (me lembro sempre de uma frase que ouvi e adoro: "cuidado com seus desejos, eles podem se tornar realidade").Chorar de dor, de solidão, de tristeza faz parte do ser humano...Mas, se a gente se entende e permite olhar o outro e o mundo com generosidade, as coisas ficam diferentes.Desejo para todo mundo esse olhar especial!2009 pode ser um ano especial, se nosso olhar for diferente. Pode ser muito legal, se entendermos nossas fragilidades e egoísmos e dermos a volta nisso.Somos fracos, mas podemos melhorar. Somos egoístas, mas podemos entender o outro.2009 pode ser o bicho, o máximo,maravilhoso, lindo, especial!Depende de mim... de você.Pode ser... e que seja!
Fonte de imagem: Google

4 comentários:

tita coelho disse...

Arnaldo Jabor é simplesmente o máximo Jô!
ótima reflexão!
Beijos

Cristiane Marino disse...

Oi Jô!!!

Eu também gosto muito das reflexões de Jabor, para rir, refletir e pensar rs!
Uma ótima ideia sua de nos despertar para novos projetos, novos recomeços sem esperar que o ano termine e as esperanças se renovem. Não! podemos começar hoje! gostei mesmo!!!

Bjinhos

disse...

Oie! Tita, que bom saber que gosta desse cara tanto quanto eu, sabe, tenho fascínio por pessoas que são "cultas" e conseguem ter clareza e simplicidade ao escrever, sem contudo, deixarem o texto "requintadíssimo", cheio de boas energias. Bjins e até!

disse...

Cris, é isso aí! Recomece, reinvente, reeduque-se, re-re-re...rs, tantas coisas, não é? Comecemos o quanto antes, pois, o tempo urge! Nada de esperar o amanhã, é preciso começar agora, pelo menos é uma forma de impulsionar algo que estagnou ou mudar o que está nos fazendo mal... Bjins!